5 DÚVIDAS COMUNS SOBRE O TRATAMENTO DAS ESTRIAS

24/09/2018

Você sabia que, com o auxílio da alta tecnologia aplicada à estética, já é possível alcançar resultados surpreendentes no tratamento das estrias recentes e antigas? Isso mesmo! O que antes parecia impensável, hoje já é realidade.

Existem diversos tratamentos para estrias, como o uso de ácidos, peelings, microagulhamento, luz intensa pulsada e lasers fracionados ablativos (como o laser de CO2) e não ablativos. Dentre eles, destaca-se o laser de CO2, tecnologia que promove micro lesões na pele, estimulando os mecanismos de regeneração e tornando as estrias progressivamente mais finas e menos deprimidas.

Embora o laser de CO2 seja facilmente encontrado em clínicas de estética e dermatologia, e embora haja um sem-número de artigos científicos publicados detalhando o mecanismo de ação e os resultados da tecnologia, muitos pacientes ainda possuem dúvidas sobre o procedimento.

Abaixo, vamos tratar as principais dúvidas que chegam aos nossos especialistas no momento da avaliação:

1. É realmente possível tratar estrias antigas? Os resultados são satisfatórios?

Sim. De fato, estrias recentes respondem melhor aos tratamentos e demandam menos esforços para serem removidas (muitas vezes até por completo). Mas com a tecnologia correta (no nosso caso, optamos pelo laser de CO2), operadores experientes e uma boa dose de paciência e controle das expectativas, é possível atenuar o aspecto das estrias antigas em até 80%.

2. O tratamento é doloroso?

O laser de CO2 provoca diversos micro furinhos na pele, portanto, há um desconforto variável envolvido. Boa parte dos pacientes tolera super bem as sessões, mas pessoas muito sensíveis ou que possuem estrias em muitas partes do corpo (o que torna as sessões mais longas), podem demandar o uso de anestésicos tópicos, que cumprem muito bem o seu papel.

3. Quantas sessões serão necessárias?

Sabemos que essa não é a resposta que os pacientes querem ouvir, mas definitivamente não é possível prever o número de sessões necessárias para alcançar o resultado final. Enquanto houver evolução de uma sessão para outra e enquanto o paciente não estiver plenamente satisfeito, indicamos que continue o tratamento.

4. Vou precisar evitar sol durante as sessões?

Sim. Por ser um tratamento que agride a pele para estimular sua regeneração, é mandatório que o paciente se mantenha bem longe de praias, piscinas e evite qualquer exposição solar durante o tratamento.

5. O resultado é permanente?

Sim. O resultado alcançado ao final do tratamento é permanente. Mas isso não quer dizer, em absoluto, que novas estrias não poderão surgir. Como prevenir é sempre melhor – e mais barato – que remediar, vale tomar muita água (uma pele hidratada é bem mais resistente à formação das estrias), controlar a alimentação e fazer atividades físicas para evitar o ganho excessivo de peso, evitar exageros na academia (ganho excessivo de massa muscular também causa estrias, você sabia?) e, em caso de gravidez, abusar da hidratação e segurar o desejo de comer mais que o necessário.

Ainda tem dúvidas sobre o tratamento para estrias? Entre em contato conosco e agende uma avaliação com um de nossos especialistas.

Contato

Agende uma avaliação gratuita em uma das nossas 7 clínicas.

Selecione o tratamento que está buscando*

Selecione uma unidade*

Como conheceu a My Beleza*

* Campos obrigatórios!